Pesquisa personalizada

Pure Evil Radio - AL

terça-feira, novembro 07, 2006


Antes de dormir
(Zenitilde Neto)


Ouço aquela voz novamente,
Inspirando-me ao que ela quer
Tentando desviar meus pensamentos
Querendo fazer do meu mundo um sofrimento,
Mas tudo agora é da minha forma
A cada palavra ditada
Sai como um clarão dos velhos tempos
Fazendo meu mundo um tormento
Do qual não quero relembrar,
Mas agora tudo vai ser diferente
Pois aquela mente doente, vulnerável
Hoje esta preenchida com outro nome
Que me trás de volta a paz
Que mesmo assim se faz o sonho acordado
Do qual me vejo amedrontado
E a voz insiste em voltar
Ecoando habilmente disposta a me lembrar,
Porém agora jaz impotente, pois a ela
Não mais pertence os meus pensamentos
E na madrugada, o cansaço me consome
Então, no principiar do meu sono
Seu nome me vem à mente
E assim que minha alma descansara
Eu suspiro:
- Mayara, doce Mayara...

3 comentários:

Anônimo disse...

(Y)

Ana Noronha disse...

Ficou muito bom, Zeno!
:**

to com saudades!

nem te conto... ta, eu conto... (carol) disse...

rapaz, vim aqui pq a ana disse no seu scrapbook q tinha umas bolinhas verdes e fiquei curiosa ahuahuahuahauh